Projetos

Gestão das Associações
ENAJ
EMAX
Seminários
Linhas de Investigação
  • Gestão das Associações

    O associativismo é um ideário que se encontra presente em muitos de nós e que nos leva a empreender, a promover e a desenvolver actividades nas mais diversas áreas, a criar projectos e a inovar. Contudo, nem sempre é fácil coordenar todos os meios e tarefas que o associativismo acarreta.

    O Associar.net surge precisamente para facilitar o registo das actividades de gestão básicas de qualquer associação, introduzindo melhorias significativas no trabalho diário das associações.

    associar.net

    Associar.Net V.3.0

    De modo a responder às necessidades actuais das associações juvenis, devido a alterações legislativas, o associar.net sofreu uma remodelação. O Decreto-lei 36-A/2011, aprovou o regime da normalização contabilística para as Entidades do Sector não Lucrativo (ESNL). Assim, as Associações com vendas ou outros rendimentos inferiores a 150.000€, nos dois últimos anos, estão obrigadas a apresentação de contas em regime de caixa. Isto é, divulgam a informação referente aos pagamentos e recebimentos e divulgam ainda os bens que integram o seu património, os direitos e os compromissos futuros existentes, num dado ano.

    Estas divulgações devem ser efectuadas em mapas cujos modelos foram publicados na Portaria 105/2011.

    Desta forma, para ajudar as Associações filiadas a cumprirem estas obrigações, o Associar.net foi actualizado para de uma forma prática, simples e intuitiva, possibilitar a introdução dos pagamentos e recebimentos, permitindo a emissão dos mapas anuais de acordo com os modelos da Portaria.

    Principais objectivos do Associar.net

    Fornecer às associações uma forma viável de organização, com módulos de gestão de:

    • Quotas e associados
    • Pagamentos e recebimentos
    • Contas bancárias o Inventários de bens móveis: Fichas de património móvel
    • Inventários de bens imóveis: Fichas de património imóvel
    • Mapa de Direitos e Compromissos futuros
    • Emissão de recibos
    • Enviar correspondência, convocatórias e avisos aos associados
    • Esclarecimentos de dúvidas e informações a associados

    ficheiro com a descrição das funcionalidades

    Visite regularmente o portal das associações juvenis.

  • Encontros Nacionais de Associações Juvenis

    Os ENAJ´s – Encontros Nacionais de Associações Juvenis, têm sido marcos de referência no desenvolvimento de um tecido associativo mais forte e eficaz.

    Nos Encontros o associativismo autoconvoca-se na criação de um espaço de debate e intercâmbio, de projecção pública, de discussão e reflexão participativa das matérias que interessam e preocupam os jovens portugueses, de formulação de propostas de definição das Políticas Públicas de Juventude em Portugal, de consolidação dos elementos identitários do sector e de projecção da melhoria e fortalecimento da sua acção.

    enaj2

    Os Encontros primam pelo forte impacto junto dos jovens, com mais de 900 participantes e cerca de 1000 visitantes, das mais variadas associações juvenis e entidades ligadas à área da Juventude, último ENAJ (Março de 2009).

    fnaj2

    Estes Encontros visam essencialmente a troca de experiências e intercâmbio entre as diferentes associações participantes, bem como a discussão de temas do interesse dos jovens e das associações.

    Consultar listagem de todos os Encontros Nacionais de Associações Juvenis

  • 4º EMAX – Encontro Mostra Associativa Juvenil Portugal e Galiza

    art-noticias-9

    Mais de 900 jovens de Portugal e da Galiza oriundos de mais de 150 associações juvenis invadiram, no fim-de-semana de 20 e 21 de Novembro de 2010, a cidade de Chaves, numa demonstração forte, determinada e activa da cooperação transfronteiriça e do movimento associativo juvenil.

    A sessão de abertura do 4º EMAX contou com a presença do presidente da Câmara de Chaves, João Baptista, do presidente da FNAJ, Júlio Oliveira, do Director Xeral da Xuventude da Galiza, Ovideo Tato, e do secretário de Estado da Juventude e do Desporto, Laurentino Dias. No seu discurso, Laurentino Dias, reforçou a aposta na Juventude deixando o compromisso de, apesar dos cortes orçamentais que vão ocorrer no IPJ, não haver para 2011 qualquer diminuição nos apoios prestados ao Associativismo, referindo até a possibilidade de haver ligeiros aumentos em certos casos.

    No Pavilhão Municipal de Chaves criamos uma enorme montra daquilo que são as actividades das associações, foram desenvolvidos mais de 50 espaços dinamizados pelas associações portuguesas e da Galiza. Meia centena foi também o expressivo número das actividades em palco trazidas pelas associações e pelos grupos de jovens. À noite, não faltou o concerto Luso Galaico com grupos portugueses e galegos. A Mostra Associativa foi complementada com duas sessões plenárias, cujos temas abordaram a Cooperação Transfronteiriça e boas práticas de projectos em curso na região.

    1ª Sessão Plenária: “Cooperação e Empreendedorismo – Chaves para o Futuro”

    Manuel Tomás Gonçalves – Conselheiro da Eures – Transfronteiriço Norte de Portugal-Galicia
    Elvira Vieira – Directora do AECT – Agrupamento Europeu de Cooperação Transfronteiriça Galiza-Norte de Portugal
    Daniel Ramos Lobón – Presidente de la Federación Galega de Xoves Empresarios e *Xan Guillén Lourenzana – Empresa “Mundo sms”
    Pompeu Martins – Director da Agência Nacional para o Programa Juventude em Acção
    Moderador: Luís Pinto – Presidente da Federação das Associações Juvenis do Distrito de Leiria

    2ª Sessão Plenária: “Somos Luso Galaicos” – Boas Práticas na Cooperação

    • Pilar del Oro Sáez – Coordinadora Oficina Europea para Juventud e Responsable Eurociudad y Espazo Xuvenil
    • Nuno Almeida – Coordenador Unidade para a Cooperação Estratégica da CCDR-N
    • Miguel Pinto – Exemplos de boas práticas Portugal
    • Julio Varela Garcia – Exemplos de boas práticas Galiza
    • Moderador: Vitor Dias – Director Regional do Norte do IPJ

    Temos a certeza que, o que aconteceu enquanto estávamos juntos não terminou, mas que continua já amanhã em todas as acções em que todos estamos envolvidos!

    Os objectivos foram plenamente alcançados e o 5º EMAX ficou já prometido para o próximo ano, mas dessa vez na Galiza.

    Vê toda a reportagem EMAX no Facebook.

    1

    Secretário do Estado da Juventude e do Desporto – Dr. Laurentino Dias

    emax2

    Sessão de Abertura

    emax3

    Presidente da FNAJ – Júlio Oliveira

    33333333333333

    Espaço Lounge e Espaço Graffitti

    444444444444444

    Animação no Pavilhão Municipal de Chaves e Pauliteiros de Miranda

  • Seminário Nacional “Juventude, Europa e Poder Local”

    banner_encontro

    A FNAJ – Federação Nacional das Associações Juvenis, realizou de 22 a 24 de Novembro de 2012 um Seminário no âmbito da temática “Juventude, Europa e Poder Local”, que terá lugar na Cidade de Braga, Capital Europeia da Juventude 2012, no Grupo de Hotéis Bom Jesus, Sala Colunata.

    A frágil condição dos jovens em Portugal e na Europa exige uma reflexão atenta e uma ação política que articule medidas locais, nacionais e transnacionais. O trabalho desenvolvido pelas associações juvenis é um dos exemplos da capacidade transformadora dos jovens e por isso urge reconhecer o seu mérito e promover o seu desenvolvimento. Nesse sentido, os dirigentes autárquicos, dada a sua desejável proximidade com as organizações juvenis e as comunidades onde estas se inserem, têm responsabilidades acrescidas na promoção de políticas autárquicas de juventude efetivamente participadas pelos jovens nos vários processos de tomada de decisão. Igualmente, a intervenção política na área da juventude à escala municipal implica uma orientação estratégica numa multiplicidade de áreas de governação que afetam a vida dos jovens, nomeadamente no que respeita à educação, à saúde, à participação cívica/associativismo, à habitação, ao emprego, ao lazer, à segurança, entre outras.

    Neste Seminário, apoiado pelo Programa Europeu Juventude em Ação e tendo como premissa o Diálogo Estruturado, houve a participação em simultâneo de jovens dirigentes associativos dos vários Municípios de Portugal, bem como de responsáveis pelas políticas de juventude das respetivas autarquias locais, tornando-se assim um espaço privilegiado de debate e de partilha de ideias.

    Esta iniciativa, ao ter assumido uma dimensão nacional, teve como pretensão potenciar o intercâmbio, a partilha e a discussão de boas práticas de cada autarquia, em especial aquelas que promovem a efetiva participação dos jovens. Consequentemente, pretendeu-se reforçar parcerias e promover o trabalho em rede entre organizações de juventude, responsáveis políticos e jovens – esta foi uma oportunidade única para a partilha de ideias e experiências entre líderes autárquicos e as associações juvenis.

    Deste Encontro/Seminário emanou a elaboração de um documento, a Declaração de Braga sobre políticas autárquicas de Juventude.

    Seminário Nacional e Mostra de Boas Práticas “Juventude em Acção Rumo a 2020

    cartaz_figueira

    A FNAJ realizou, de 20 a 22 de maio de 2011, um Seminário no âmbito da Semana Europeia da Juventude – Juventude em Ação Rumo a 2020, que teve lugar no Centro de Artes e Espetáculos da Figueira da Foz.

    Sendo a FNAJ um elemento ativo do Comité de Seleção do Programa Juventude em Acão e tendo a Comissão Europeia lançado para discussão o documento de Estratégia Europa 2020 para assegurar a saída da crise e preparar a economia da UE para a próxima década, entendemos que era o momento certo para se fazer uma avaliação profunda do que tem sido este Programa ao longo dos últimos anos e, ao mesmo tempo, preparar o futuro próximo (até 2020). Esta importante e vital reflexão foi realizada no encerramento da Semana Europeia da Juventude.

    Neste Seminário, apoiado pelo Programa Europeu Juventude em Ação e pela Câmara Municipal da Figueira da Foz, participaram comitivas de jovens e dirigentes dos 18 distritos e das duas regiões autónomas de Portugal, num número total de mais de 400 elementos, superando todas as expectativas de participação, mostrando uma vez mais a forte representação do movimento associativo juvenil.

    Seminário Internacional Políticas de Juventude no Poder Local

    Seminário envolveu sessões de discussão, apresentação de estudos de caso, oficinas de ideias e sessões de grupo de trabalho. Este projecto foi promovido pela Federação Nacional das Associações Juvenis, em parceria com a Câmara Municipal do Porto.

    12 Países envolvidos, representados por delegações de 14 cidades. Um total de 80 delegados participaram do projecto e cada delegação era composta por um político, um técnico e 3 representantes da juventude.

    img-seminarios-2

    Objectivos Principais:

    • Promover a cooperação entre as políticas de juventude na Europa
    • Estimular os jovens a participar na gestão da política local
    • Incentivar uma rede de parcerias com base em programas europeus e recomendações
    • Possibilitar diálogo entre os jovens e os políticos

    img-seminarios-1

  • img-perfil-associativismo

    A FNAJ desenvolveu um estudo sociológico, pioneiro em Portugal, sobre o perfil do associativismo juvenil. Ficou bem patente a importância e peso em números que o Associativismo Juvenil tem na sociedade portuguesa, sendo crucial na ocupação dos tempos livres e na constituição de um espaço de construção de sociabilidades e identidades da juventude.

    Ver as conclusões do Estudo:

    Perfil Associativismo Juvenil 2006

    Perfil Associativismo 2011

    Perfil Associativismo 2011 – continuação