Direção da FNAJ aprova regulamento pioneiro de Carreiras e Retribuição da sua equipa técnica

17 Julho 2021

O regulamento pioneiro de Carreiras e Retribuição da FNAJ foi aprovado pela Direção com vista a valorizar as condições salariais e laborais, com destaque para o estabelecimento do regime das carreiras profissionais dos trabalhadores que integram o quadro de pessoal da FNAJ, um importante sinal para o futuro e que surge como uma reafirmação do compromisso laboral da Federação Nacional para com os seus trabalhadores.

Além de criar carreiras profissionais e estabelecer os valores pagos em horas extras, este inédito regulamento impede também que a diferença salarial entre o ordenado mais alto e mais baixo dentro da organização seja superior a duas vezes.

Em 2017, a Direção, presidida por Tiago Manuel Rego, atualizou o subsídio de alimentação para valores equivalentes à função pública e desde então tem subido os salários de forma consecutiva e consolidada. Paralelamente, foram criadas melhores condições de trabalho, através da requalificação da sede social da FNAJ, promovendo o isolamento térmico e aumentando a eficiência energética com a aplicação de luzes LED no espaço. A capacitação tecnológica da FNAJ, iniciada em 2018, foi outra aposta que permitiu a renovação de todos os equipamentos informáticos, muitos já em fim de vida ou obsoletos. A criação de um protocolo com a Universidade Aberta, em 2019, permitiu aos colaboradores da FNAJ fazerem uma pós-graduação em “Estudos Juvenis”, reforçando a aposta da Federação Nacional numa formação qualificada da sua equipa. Em 2020, a equipa técnica teve uma formação certificada em Igualdade, ministrada pela Associação Plano i.

Estes significativos melhoramentos correspondem a um período ímpar da história da FNAJ de valorização e beneficiação dos seus quadros pessoais, com aumentos recordes de salários, aposta na formação e reforço das condições de trabalho.

O investimento feito nos colaboradores da FNAJ permitiu à organização candidatar-se a linhas e programas de financiamento exigentes, sem recurso a entidades externas, tendo alcançado a aprovação de projetos vitais para a sustentabilidade financeira da Federação Nacional.

A Direção da FNAJ, na qual os seus diretores são todos voluntários, quer assim demonstrar a sua satisfação e o reconhecimento pelo bom desempenho da sua equipa técnica, que, neste período de pandemia, tal como sempre, se mostrou à altura dos desafios colocados.

O Presidente da FNAJ sublinha que este regulamento vem corporizar a prioridade dada pela sua gestão aos colaboradores desta organização, valorizando-os e afirmando-os como um pilar da ação federativa na missão política e no apoio às associações juvenis que integram a rede nacional da FNAJ. “É preciso saber reconhecer o empenho e entrega da equipa técnica da FNAJ, mantendo-a motivada e estimulada, potenciando uma melhor resposta aos desafios contínuos da juventude e das suas organizações”, remata Tiago Manuel Rego.

 

Este website usa cookies para melhorar a experiência do utilizador. Ao continuar a utilizar o website, assumimos que concorda com o uso de cookies. Aceito Ler Mais