Carta Jovem - Eleições Legislativas 2022

03 Janeiro 2022

Os resultados foram compilados no “Pacto INOVE Jovem”, um compromisso entre a juventude e o Estado, e na “Carta Jovem” que irá servir como base de agenda política da juventude aos candidatos às legislativas

Organizada pela Federação Nacional das Associações Juvenis (FNAJ), no Funchal, a Cimeira Atlântica Associativismo e Juventude, no âmbito do projeto Inove+, pretendeu estabelecer um compromisso entre a juventude e o Estado Local e o Central, bem como criar um caderno de encargos dirigido aos partidos políticos candidatos às próximas eleições legislativas. Contando com a presença de mais de 200 jovens de organizações associativas, de técnicos de juventude e decisores políticos, foram discutidas políticas locais, nacionais e europeias para o futuro dos jovens que permitiram a construção do “Pacto INOVE Jovem” e da “Carta Jovem”.

A conceção destes documentos teve como base os 25 Objetivos da Juventude Portuguesa da FNAJ, explorados nos laboratórios e debates, promovidos durante todo o evento, que permitiram a auscultação e a criação de medidas políticas centradas em temas prementes, como o desemprego, o acesso à habitação, a natalidade e a igualdade de género, entre outros.

“O nosso objetivo é que a juventude continue a ter uma presença constante nas decisões políticas que a afetam, tendo os órgãos governamentais de contar com a opinião dos jovens para decidir os seus cadernos políticos. Por isso, nesta Cimeira, contámos não só com a presença de jovens, mas também de várias entidades governamentais que contribuíram com os seus pareceres e que debateram abertamente com os mais novos, ouvindo as suas reivindicações e contribuindo com a sua experiência”, refere o presidente da FNAJ, Tiago Manuel Rego.

Com o intuito de demonstrar de que forma as decisões políticas podem contribuir para o futuro e a emancipação condigna da juventude, todas medidas acordadas e plasmadas na “Carta Jovem” foram votadas pelos 200 jovens e serão apresentadas aos candidatos às próximas eleições legislativas. “Para termos políticas em linha com as visões dos jovens, temos de questionar os próprios, por isso, além da votação destas medidas, a FNAJ irá criar um momento de debate no início do próximo ano que irá reunir jovens e decisores políticos que esperamos que tenha um impacto real no futuro da juventude nas próximas eleições”, explica o presidente da federação.

Reunindo jovens de todo o país e de várias faixas etárias, o evento contou também com a presença do secretário de Estado da Juventude e Desporto, João Paulo Rebelo, da Deputada do Parlamento Europeu, Cláudia Monteiro de Aguiar, do secretário Regional da Educação, Ciência e Tecnologia, Jorge Carvalho, do diretor da AN Erasmus+ JA, Luís Alves, e da presidente da European Confederation of Youth Clubs, Ioana Surubaru, entre outros.

Na Cimeira Atlântica do Associativismo e Juventude estiveram também presentes o humorista Diogo Faro e a jornalista Diana Duarte, que, nas suas comunicações, falaram de como os jovens podem contribuir para a mudança do mundo e as novas formas de comunicar e participar das jovens gerações. O documento do “Pacto INOVE Jovem”, construído e validado na Cimeira Atlântica será brevemente subscrito por representantes da Juventude, do Estado Local e do Estado Central.

A “Carta Jovem” já está disponível e pode ser consultada aqui.

Fnaj
Este website usa cookies para melhorar a experiência do utilizador. Ao continuar a utilizar o website, assumimos que concorda com o uso de cookies. Aceito Ler Mais